Empresário Roberto Santiago é posto em liberdade

Empresário Roberto Santiago é posto em liberdade

A juíza Hígyna Josita Simões de Almeida definiu do final da tarde desta quarta-feira, (24), as medidas cautelares a serem cumpridas pelo empresário, atendendo a decisão do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Tofffoli.

A magistrada recebeu a notificação sobre a decisão, ainda no dia de ontem (22), através de oficio do STF, mas era preciso avaliar quais  as medidas cautelares cabíveis no caso.

O empresário Roberto Santiago foi preso em 22 de março de 2019,  na terceira fase da Operação Xeque-Mate.

Comentários

Outras Notícias