Covid-19: Coren-PB cobra que governo da Paraíba valorize profissionais de Enfermagem e promova isonomia salarial

Covid-19: Coren-PB cobra que governo da Paraíba valorize profissionais de Enfermagem e promova isonomia salarial

O Conselho Regional de Enfermagem da Paraíba (Coren PB) enviou na última sexta-feira (27) o Ofício n 230/2020 em que a presidente, Renata Ramalho, solicita ao secretário de Saúde da Paraíba, Geraldo Medeiros, dois pontos essenciais para a valorização da categoria: o primeiro é para que o Executivo se posicione sobre a impugnação apresentada pela Autarquia ao Edital 001/2020 e retifique os salários de Enfermeiros e Técnicos de Enfermagem. Já o segundo é para que promova a isonomia salarial dos atuais servidores com os que serão contratados.

No documento o Coren PB ressalta que “conforme já sabido e publicado no edital, os valores de plantōes por turnos de trabalho para o cargo de técnico de enfermagem - nível médio e enfermeiro - nível superior, que apesar de nitidamente desvalorizantes com a classe, por isso já foram impugnados por este Conselho são ainda, pasmem, superiores ao que os mesmos profissionais de Saúde, técnicos de enfermagem e enfermeiros, já funcionários públicos do Estado da Paraíba, estáveis ou não e prestadores de serviço recebem atualmente realizando a mesma função que os novos contratados irão realizar”.

“Este é um caso flagrante de desrespeito aos profissionais de Enfermagem que estão na linha de frente dos serviços de Saúde, não apenas neste momento de Pandemia, mas sempre estiveram”. E completou: “A remuneração que atualmente é paga desvaloriza a classe e por isso pedimos esta isonomia, bem como o atendimento do pedido de retificação do Edital com base nos valores apresentados no Ofício 227/2020”, disse Renata Ramalho.

Edital

No Ofício 227/2020 o Coren PB solicitou que o Edital que oferece para os técnicos de Enfermagem o valor de R$ 100,00 para cada 6 horas trabalhadas, já para Enfermeiros o valor é de R$ 150,00 podendo chegar a R$ 205,00 por plantão de 12 horas, seja alterado para que o Enfermeiro receba a remuneração de R$ R$ 900,00 para plantões de 6 horas e 1.250,00 para plantões de 12 horas, e para o cargo de Técnico de Enfermagem, R$ 450,00 para plantão de 6 horas.

Comentários

Outras Notícias